domingo, 26 de junho de 2011

Ceará quebra invencibilidade do Palmeiras e sai da zona de rebaixamento

Depois de perder para o líder em casa, mas jogando bem, o Ceará tinha pela frente o então segundo colocado: o Palmeiras. Mas sem ligar para isso, uma nova boa apresentação fez o Alvinegro triunfar desta vez. O placar de 2x0 traduziu bem o que foi o jogo. Com a vitória, o time agora sai da zona de rebaixamento e respeira de forma mais tranquila no Brasileirão 2011.

O volume de jogo inicial foi do Palmeiras, mas rapidamente o jogo mudou. O primeiro gol do Ceará aconteceu logo aos sete minutos, o que diminui o ímpeto do time paulista e deu tranquilidade ao Alvinegro. Os ataques palmeirenses ficavam cada vez mais escassos enquanto o Ceará tomava conta da partida.

Os ataques do Ceará, bem mais perigosos, faziam o técnico Luís Felipe Scolari se descabelar. Boiadeiro, em lindo chute de fora da área, colocou no travessão de Marcos. Tempo para alívio do técnico.

E enquanto o treinador esperava o intervalo para consertar os defeitos, Thiago Humberto fez o segundo, aos 45 minutos.

O Palmeiras voltou ao segundo tempo com Adriano no lugar de Lincoln. Mas não adiantou. Apesar de pressionar mais, o Vovo ainda era mais perigoso nos contra-ataques.

Enquanto o Palmeiras rondava área de Fernando Henrique, o tempo passava e o Vovô assegurava sua segunda vitória na competição.

FICHA TÉCNICA

Local: estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE)
Horário: 16 horas
Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Gilson Bento Coutinho (PR) e José Hamilton Pantarolo (PR)
Gols: Washington (7min 1T) e Thiago Humberto (45min 1T)
Cartões Amarelos: Wellington Paulista (Palmeiras) e João Marcos (Ceará)

CEARÁ: Fernando Henrique; Boiadeiro (Diego Macêdo), Fabrício, Diego Sacoman e Vicente; Michel, João Marcos, Heleno, Thiago Humberto (Iarley); Osvaldo e Washington (Geraldo). Técnico: Vágner Mancini

PALMEIRAS: Marcos; Cicinho (Patrik), Leandro Amaro, Tiago Heleno e Rivaldo; Chico, Marcio Araújo, Marcos Assunção e Lincon (Adriano); Kleber e W. Paulista (Vinícius).

Técnico: Luís Felipe Scolari

O Povo

Um comentário:

  1. francisco ferreira da silva-pio28 de junho de 2011 14:37

    Até que enfim o tecnico do ceará me agradou nas suas escalações do time do ceará, não pela a vitória que chegou em boa hora mais pela a maneira imposta por ele do ceara jogar, anulando um dos principais jogador do palmeiras o Kleber que eu tenho certeza que ele nunca vai esquecer este nome Diego Sacoman o treinador sabendo das qualidades do Meia Marcos Assunção e é um jogador que usa todos os lados campo,determinou que seus homens do meio campo não o deixase sem marcação, assim para alegria de todos os cearenses Ceará venceu por 2x0.

    ResponderExcluir